* Por George Raposo

Rodrigo Ramos 7 – Salvou o Maranhão em duas oportunidades quando o jogo tava zerado e depois mais duas no segundo tempo.

Michel 6,5 – Fez o cruzamento do primeiro gol. Muito bem em sua volta a titularidade.

Lucas 5,5 – Mostrou desentrosamento com com Yuri e Bala, mas rebateu bem quando exigido

Yuri 6 – Seguro na maior parte do jogo.

Chico Bala 5 – Tímido no apoio e inseguro na defesa.

Sandro Bacabal 5 – Errou muitos passes e foi envolvido com o bom toque de bola acreano.

Curuca 6 – Responsável pela saída de bola e apareceu na area como elemento surpresa.

Eloir 5,5 – Pouca mobilidade, usou seus passes para abrir a defesa do Rio Branco no primeiro tempo.

Marciano 6,5 – Vinha fazendo partida apagada até abrir o placar aparecendo como centroavante.

Adauto 4,5 – Desaparecido no jogo

Gileard 5,5 – Muita vontade, saiu da área para criar. Perdeu um gol feito no fim do primeiro tempo.

Reservas:

Eder Guerreiro 5,5. – Entrou no lugar de Eloir, mas não conseguiu manter a cadência do time.

Jonas Piu Piu 5- Seria o homem do contra-ataque, mas perdeu as duas grandes chances que teve.

Naoh – 5,5. Só pegou na bola pra bater o pênalti.

Técnico Ruy Scarpino – 5,5. Não conseguiu montar o time pra agredir o adversário. Contou com a sorte pra abrir o placar. Foi surpreendido com as lesões dos jogadores e não soube pensar rápido para as substituições.

Deixe uma resposta